Skip to content

A Argumentação na Comunicação Philippe Breton

by em Dezembro 9, 2012

Desde quando pratica o homem a argumentação? Estaríamos tentados a dizer: desde que comunica. Ou melhor ainda: desde que tem opiniões, crenças, valores e desde que faz tudo para os fazer partilhar pelos outros. Quer dizer desde sempre, na medida em que o homem se identifica, ao contrário do animal, com uma palavra, com um ponto de vista próprio sobre o mundo em que vive.

Desde quando tem o homem saber sobre a argumentação? Tudo depende do que se entender por “saber”. No sentido mais lato que essa palavra possa ter, é provável que as práticas argumentativas, por mais antigas que sejam, tenham sido sempre acompanhadas por um saber espontâneo, empírico. Ainda hoje, enquanto que só raramente a argumentação é o objecto de um programa de ensino e que cada um, na vida quotidiana, é confrontado com numerosas situações de argumentação tal saber faz parte da “cultura básica” que toda a gente pode adquirir, de alguma forma por “impregnação”.

 

Philippe Breton, (1998), A Argumentação na Comunicação, Lisboa, Publicações D. Quixote, p. 21.

Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: